A nossa história...

A Sociedade Filarmónica de Cabanas de Viriato foi fundada em 1872, por vontade e carolice de ilustres cabanenses. Antes da sua fundação existia em Cabanas de Viriato, a partir de 1850, um grupo de músicos sem qualquer estruturação, que terá participado em missas e em festas populares diversas, e que era conhecido pelo "Concerto".
Talvez com o intuito de estruturar essas actividades o Padre José Cunha funda a filarmónica em 1872.
O seu primeiro Maestro foi o Senhor Bandeira, ao qual se seguiram António Augusto dos Santos, José Gonçalves (pai), José Gonçalves (filho) - insigne Compositor e Maestro, Manuel de Sousa (Rixa), jacinto Caetano e o Senhor Basílio.
Em 1941 e dada a necessidade permanente de se "assentarem arraiais" base de uma actividade continua e profícua, forma-se em Cabanas uma comissão que adquire para a filarmónica a ansiada sede. 
Actualmente a Banda da Sociedade Filarmónica é constituída por 40 elementos com idades compreendidas entre os 12 e 40 anos sendo a média de idades de 20 anos.
Continua a funcionar a Escola de Música, totalmente gratuita, a qual, é frequentada presentemente por 25 jovens com idades compreendidas entre os 6 e 14 anos.

Homenagem da Sociedade Filarmónica de Cabanas de Viriato

A Sociedade Filarmónica de Cabanas de Viriato homenageou todos os Bombeiros Portugueses com a interpretação do tema "Soldados da Paz".